Qual o segredo dos melhores sistemas educacionais do mundo?
Agosto | 2019

Por Angélica Weise

Quando se trata de um bom modelo de sistema educacional sabemos que entram em cena diversas questões. Até porque a educação é talvez um dos indicadores mais importantes para determinar o nível de desenvolvimento de uma nação. Como já disse Nelson Mandela, "a educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo”.

Sabemos que nem tudo o que é bom em um país pode não funcionar e ser bom em outro país. E logo concordamos que o Brasil tem sim muito o que caminhar quando o assunto é a educação.

O país está longe de ser exemplo para o mundo. O Brasil ocupa o penúltimo lugar em ranking de qualidade de educação. Uma pesquisa publicada recentemente realizada com 40 países pesquisados, o país ocupa a 39ª posição! No topo da lista aparecem Finlândia e Coreia de Sul. Clique no link para saber mais!

Mas o que caracteriza um bom sistema educacional? Podemos resumir de forma clara: a educação de qualidade, acessível, tecnológica e social a cada um de seus alunos. É por isso que a Finlândia ocupa o 1º lugar quando o assunto é melhor sistema educacional do mundo.

No sistema educacional da Finlândia os estudantes são valorizados por suas habilidades e quase não têm dever de casa para fazer em sala de aula. Entre os outros países que são exemplos na área de educação estão:

  • Suécia
  • Bélgica
  • Cingapura
  • Holanda
  • Catar
  • Irlanda
  • Estônia


Existem muitas diferenças entre os sistemas educacionais de países como Cingapura, Finlândia ou Polônia, situados à frente da educação mundial. Hoje vamos destacar alguns pontos da Finlândia.

Sistema educacional da Finlândia

Características gerais da educação na Finlândia:

- Durante todo o ensino fundamental  de 7 a 16 anos, todos os livros e materiais para as crianças em idade escolar são gratuitos e dados pelo mesmo centro;

- Os estudantes que moram longe da escola - mais de 5 km de distância - podem solicitar o reembolso do custo do transporte;

- Os alunos que têm dificuldades de aprendizagem também podem se beneficiar, no mesmo centro, da ajuda de um professor especialista, que pode ir à aula para guiá-lo ou trabalhar com ele separadamente;

- Além disso, outra característica fundamental é a educação gratuita. Desde os primeiros anos de ensino até a universidade, tudo é gratuito, incluindo material escolar, refeitórios e até transporte;

E mais, a participação em atividades sociais e o voluntariado para demonstrar envolvimento com a sociedade são altamente valorizados. 

O modelo educacional finlandês é projetado principalmente para que “ninguém seja deixado para trás”, conferindo um sistema educacional que preste atenção a cada pequeno detalhe para ajudar o finlandês médio a ter um nível educacional alto ou muito alto.

As chaves para o sucesso

Ao analisar os sistemas educacionais mais avançados do mundo, fica claro que há certas características compartilhadas que ajudam a impulsionar a educação e elevam o nível e a preparação de alunos e professores.

Uma das mais elementares e recorrentes questões é a preocupação e o envolvimento da sociedade na melhoria educacional e a concepção da educação como um motor do futuro e do desenvolvimento.

É essa preocupação, e a busca de soluções para melhorar, que em muitos casos levou a uma descentralização do sistema educacional que permitiu que os currículos e a gestão dos centros fossem flexibilizados em primeira instância e que , posteriormente , personalizassem o processo de ensino-aprendizagem .

Essa personalização, presente em muitos dos sistemas educacionais desses países, permite adaptar o ensino às necessidades de cada aluno e atender à diversidade da sala de aula para que ninguém seja deixado para trás, e todos os alunos possam desenvolver plenamente todas as suas habilidades.

Para conseguir isso, a maioria dos países líderes em educação defende a aprendizagem ativa , que torna o estudante o protagonista do processo, atribui responsabilidades e autonomia, aposta pela criatividade em detrimento da memorização e os ensina a pensar para resolver problemas que surgem com sucesso.

Normalmente, este objetivo é acompanhado por liberdade metodológica para os professores, que em muitos casos podem aplicar os métodos de ensino e estilo que considerem necessários para garantir que os seus alunos desenvolvam as habilidades necessárias, e alcançar uma compreensão e assimilação de conceitos adequados. Mas um destaque para a boa educação na Finlândia é a figura do professor.

Professores precisam de ajuda

Como descrito no texto, na Finlândia mesmo o professor não tendo a melhor remuneração, se comparado a outros países da Europa, a figura do professor é valorizada.

Essa é uma realidade totalmente diferente no Brasil. O professor não é muito valorizado, e justamente por isso, precisa de ajuda, desde da escola até em casa. E poder contar com ajuda das ferramentas para que facilite o seu trabalho dentro e fora da sala de aula é importante. Uma das ferramentas indicadas é o Prova Rápida!

O Prova Rápida é uma plataforma web para gestão, elaboração e correção de provas. São inúmeras as vantagens desta ferramenta. Primeiro, o tempo que você vai economizar. E mais, você elimina a chance de erro causada por correção humana. O que pode ocorrer principalmente quando o professor está diante de uma rotina cansativa e exausta.

Através do Prova Rápida, você terá acompanhamento dos resultados de um aluno. Você pode acessar de qualquer lugar. Além de ajudar na correção, essa ferramenta também permite a criação de provas através de banco de questões. Não é o máximo?

E nos conte. Qual modelo educacional você acha que é o melhor? Incentivamos você a compartilhar sua opinião conosco.

Tags:
sistema educacional
prova rápida
Finlândia