Dicas de saúde para o professor
Abril | 2019

Por Angélica Weise

O professor é um profissional que está sempre ativo, estudando, lecionando, se inteirando das novidades. E com uma jornada bem extensa, é fundamental cuidar da saúde, até para que doenças não surjam. Já escrevemos em outro texto as doenças que estão relacionadas a carreira docente (Leia mais).
De fato, ficar horas em pé, sentar de mau jeito, posturas inadequadas na frente do computador podem prejudicar a saúde e até o humor do profissional. Por isso neste texto vamos trazer dicas para a saúde do professor.

Dicas essenciais para saúde do professor
Confira essas sugestões para melhorar a sua qualidade de vida.

1. Faça atividades físicas
Mesmo em meio a uma rotina conturbada e com inúmeros compromissos, é preciso criar um tempo durante a semana para fazer alguma atividade física. Vale caminhada, corrida, andar de bicicleta, pilates, academia, entre outros. O importante é se exercitar!

2. Mantenha hobbies diários que gosta
Não procure fazer algo para descontrair apenas nos finais de semana. Os hobbies podem ser feitos até mesmo durante a semana. Por que não colocar em prática aquela leitura? Ou olhar filmes e documentários com mais frequência? Tomar aquele café com amiga? Ir ao cinema? Nem sempre a falta de tempo é a desculpa certa. Reveja como está ‘gastando’ o seu tempo. Ás vezes, se quer damos conta que perdemos um bom tempo apenas olhando as redes sociais no celular.

3. Voz e coluna
A voz do professor pode sofrer alterações, isso porque ele fala e explica durante um bom período. Profissionais recomendam que o docente realize aquecimento e desaquecimento vocal e aprenda os exercícios para trabalhar a respiração. Qualquer coisa, indica-se procurar um fonoaudiólogo. Já em relação a coluna, fazer intervalos entre estar sentado e em pé, é recomendado. E com professores que lidam com crianças menores, estes devem fazer agachamentos de forma correta, afim de evitar algum desconforto na coluna;

4. Qualidade do sono
Evite os inimigos que o sono pode trazer para a sua saúde. Mantenha um horário regular de sono, tenha uma rotina relaxante na hora de dormir, coma de forma saudável e faça exercícios regularmente. Com o sono inadequado, surge a irritabilidade, o esquecimento, a menor tolerância até mesmo a pequenos aborrecimentos e uma organização e planejamento menos eficientes. É também durante o sono que o cérebro tem algumas das suas descobertas mais profundas e faz algumas das suas soluções de problemas mais criativas; 

5. Comida de qualidade
Sim! Coma comida de verdade em intervalos regulares. Este deve ser o seu próximo passo no bem-estar, depois de ter descoberto uma ótima programação de sono. Mais uma vez, é senso comum. Prepare e coma comida de verdade para equilibrar seu açúcar no sangue, manter sua energia e otimizar seu poder cerebral!

6. Mude os maus hábitos
As primeiras dicas nessa lista são bem lógicas, mas também são coisas que muitos professores enfrentam mais dificuldades devido a nossas agendas lotadas. Por isso, a dica aqui é mudar hábitos. E professores também conseguem. Não precisam viver com essa fama de rotina cansada e estressante. Algumas atitudes podem ser mudadas. E isso somente você pode fazer!

7. Organize-se
Os professores geralmente são bem organizados, mas se você não fizer parte dessa multidão, agora é sua hora de começar. Tenha uma agenda, use um calendário, aplicativo on-line ou simplesmente escreva uma lista diária para ajudá-lo a se organizar.

Você sabia que manter-se organizado pode realmente melhorar sua saúde mental e física? Muitas pesquisas já afirmaram que manter-se organizado pode ajudá-lo em relação aos níveis de estresse, hábitos alimentares, treinos, relacionamentos, produtividade, peso e sono.

Cuidados com a saúde do professor
Mesmo sendo uma das profissões mais antigas, é fundamental procurar ajuda quando algo não está bem. Se sentir triste o tempo todo, cansado, ou muito estressado não é algo que devemos levar como normal. É possível mudar isso, e ás vezes mudança de atitudes bem simples fazem já diferença. Alguma mudança de atitude pode fazer uma grande diferença em sua vida.

Dicas gerais para manter uma boa saúde mental e física

Costas

  • Mantenha a postura correta enquanto você se senta ou fica em pé;
  • Fique ereto e alto com o estômago dobrado e os ombros relaxados;

Voz

  • Beba muita água. Esta não é apenas a bebida mais saudável para mantê-lo revigorado e energético, mas também lubrifica suas cordas vocais, produzindo muco suficiente;

Lembrando então:

  • Tire um tempo para um hobby;
  • Medite. Aprenda boas técnicas de respiração;
  • Faça uma alimentação saudável e exerça uma prioridade;
  • Aproveite o tempo com sua família e amigos;
  • Durma o suficiente e se atualize todas as manhãs;
  • Pare de fumar e consuma álcool com moderação;
  • Faça verificações regulares de saúde;
  • Procure ajuda médica no primeiro sinal de qualquer doença ou estresse mental;

O professor pode agir, mas claro que existem situações que fogem do seu controle. Por isso, é importante pedir ajuda, expor a situação. O que não pode ocorrer é o professor sofrer sozinho e aumentar o estresse. É isso que tem afastado muitos docentes da sala de aula.

E que poderia ser evitado, se algumas dicas fossem postas em prática, e se também o professor soubesse que poderia contar com uma rede de apoio em caso de situação que saia do seu controle.

Faça o que está ao seu alcance. Conte pra nós se você coloca essas dicas em prática? Qual delas é a mais difícil?

Nós vamos gostar de saber a sua opinião!

Tags:
atividade física
qualidade de vida
hábitos
professor